Pages

sexta-feira, 2 de março de 2012

Resenha - O Mundo de Sofia de Jostein Gaarder




       Eu, fiquei um pouco relutante quanto a fazer resenha desse livro, porque já tinha falado dele no Autor da Semana do Josteein Gaarder, mas como eu vivo recomendando esse livro sendo que nem escrevi uma resenha dele, vou tomar vergonha na cara e resenhar ele logo.
       Outro motivo também, é que eu estou lendo O Festim de Corvos, e como As Crônicas de Gelo e Fogo é uma série que eu amo muito, não adianta que eu não vou ler logo, nessa eu faço questão de demorar e ler tudo com atenção para me divertir o máximo o possível, então vou resenhar alguns livros que já li antes de criar o blog para que vocês não fiquem sem resenha :D



Características


Nome: O Mundo de Sofia
Nome Original: Sofies Verden
Autor: Jostein Gaarder
Editora: Compania das Letras
Páginas: 560
Estilo: Filosofia/ Aventura


Sinopse


Às vésperas de seu aniversário de quinze anos, Sofia Amundsen começa a receber bilhetes e cartões postais bastante estranhos. Os bilhetes são anônimos e perguntam a Sofia quem é ela e de onde vem o mundo em que vivemos. Os postais foram mandados do Líbano, por um major desconhecido, para uma tal de Hilde Knag, jovem que Sofia igualmente desconhece.
O mistério dos bilhetes e dos postais é o ponto de partida deste fascinante romance, que vem conquistando milhões de leitores em todos os países em que foi lançado. De capítulo em capítulo, de "lição" em "lição", o leitor é convidado a trilhar toda a história da filosofia ocidental - dos pré-socráticos aos pós-modernos -, ao mesmo tempo em que se vê envolvido por um intrigante thriller que toma um rumo muito surpreendente.



Resenha


       Como já disse esse é meu livro preferido e já vou mostrar o porquê, mas antes, uma breve resumida (para os preguiçosos que não leem a sinopse rsrs).
       Conta a história de Sofia, que começa a receber cartas anônimas sobre filosofia geral, porém, ao mesmo tempo coisas estranhas começam a acontecer, por exemplo, cartões postais endereçados à Hilde começam a parar em suas mãos enviadas por um Major. Porém, Sofia desconhece o endereço, a Hilde, e o Major. Há um momento, também, em que ela consegue se ver piscando, em frete a um espelho, e é nesse clima de suspense e mistérios que a história se desenrola ao mesmo tempo dando-nos aquela tensão maravilhosa, e nos fazendo caminhar por toda a história da filosofia de uma maneira muito gostosa.
        Como eu disse, o mundo de Sofia está rodeado de mistérios e acontecimentos inexplicáveis, nos prendendo cada vez mais a cada página, porém, ao mesmo tempo, ele nos leva ao mundo da filosofia, mas de uma maneira muito legal, e não didática como vemos nas escolas, e começamos a perceber que a filosofia está totalmente presente na vida de Sofia, mas não só na dela, e sim, na nossa também. 
       Há algumas partes, principalmente caminhando para o final, em que pode parecer que o livro está sendo estragado e forçando demais na fantasia, nos fazendo desacreditar que aquilo daria em algo bom, "poxa vida, começou tão bem e agora tá assim :/", cheguei a pensar, mas é aí que nos surpreendemos, pois todos os meus pensamentos negativos foram por água à baixo, o final de O Mundo de Sofia é simplesmente o MELHOR QUE JÁ VI NA VIDA! Melhor que o de qualquer filme, livro, série, história em quadrinhos, conto, crônicas, e seja lá o que for. É realmente uma obra maravilhosa e perfeita, o final mais surpreendente, criativo e inteligente que eu já vi! Desde então, Jostein Gaarder é meu escritor preferido.
       Eu não posso continuar falando muito, porque senão vou acabar soltando algum spoiler, mas preciso incentivar vocês a ler O Mundo de Sofia, porque tenho certeza de que vão gostar. As partes de filosofia podem até ser um pouco chata para alguns, mas elas vêm com uma fonte diferente, e na maioria das vezes não são necessárias para o entendimento da história, de forma que vocês podem pular essas partes. 
       Também foi lançado uma minissérie de O Mundo de Sofia, com 6h de duração ao todo, ultra recomendada àqueles que não gostam nem um pouco de filosofia e nem de ler, pois a série dá mais foco ao enredo mesmo, e nem tanto à filosofia, e também tem um final um pouquinho diferente. (Ambos são ótimos, então leiam, e depois assistam).
       Mas finalizando: LEIAM! Não importa o que vocês estejam lendo nesse momento, larguem tudo agora e corram atrás de O Mundo de Sofia! Milhões de beijos lindos para vocês, e não esqueçam de comentar e seguir o blog, pois dessa forma vocês me deixam muito feliz e motivado :D

2 comentários:

Cristina (자비에르) disse...

ahhhh, seu livro fave aqui resenhado.
quero muito ler esse livro só por sua causa hhaha.
eu também adorei "o pássaro raro". depois daquele dia eu procurei na internet sobre o livro e o autor.!

parabens henriiiiiiiiiiiiiiique! (y)

Anônimo disse...

me ajudou muito no trabalho da escola.
Você esta de parabèns, ótima resenha.

Postar um comentário

Deixem um comentário, é super rápido e me deixa muito feliz :)

E se possuir um blog ou site deixe o link dele que eu dou uma passadinha lá :D